10-08-15 PALESTRA DROGAS - Prefeitura Municipal de Conchas

Busca
Ir para o conteúdo

Menu principal:

10-08-15 PALESTRA DROGAS

NOTICIAS > 2015 > AGOSTO
Desenvolvimento Social e CRAS realizam palestra sobre prevenção de drogas
 
Na última terça-feira, 4, o CRAS por meio do Departamento de Desenvolvimento Social Esporte e Lazer realizou a palestra Drogas: a melhor saída é não entrar. O evento aconteceu na quadra  do Seminário Salvatoriano e contou com a participação de 35 dos jovens integrantes do programa Ação Jovem em Conchas.

Ministrada pelo mágico e palestrante Mauro Dias, da cidade de Botucatu, a palestra tratou um tema sério com uma pitada de humor e truques de mágica. Segundo Dias, o maior problema atual do Brasil no quesito das drogas é tratar drogas lícitas como não sendo drogas, um exemplo é o álcool. “Temos uma cultura de banalização do álcool, a maioria das festas e eventos servem bebidas alcoólicas. Hoje o uso do álcool mata mais do que as outras drogas juntas: cocaína, maconha e craque, tratar o álcool como não sendo uma droga é um dos grandes desafios que temos”, afirmou.

O palestrante abordou o tema fazendo uma comparação com as fases de um relacionamento. De acordo com a apresentação da palestra, o caminho para o vício segue cinco etapas: paquera; ‘ficadinha’; namoro; noivado e casamento. “O vício é contraído com o tempo, ninguém nasce viciado, porém para se chegar ao ‘casamento’, que é a última etapa a pessoa experimenta, que seria a ‘ficadinha’, desse passo até a dependência é rápido”, explicou.

De acordo com o palestrante, há fatores de riscos que expõe mais os jovens às drogas, são eles: exposição à substância; tribo (círculo de amigos que a pessoa tem) e pré-disposição genética.  Segundo ele a pré-disposição genética acompanha o indivíduo até a terceira geração, portanto, se o avô foi viciado em álcool, o indivíduo terá mais facilidade no vício do que outras pessoas que não tenham histórico na família.

“O melhor caminho é não experimentar, pois se experimentar e gostar a dificuldade de sair é muito maior. Tive grandes amigos que morreram por causa das drogas, um deles estava internado numa clínica de reabilitação, não aguentou o tratamento e se suicidou se jogando na frente de um caminhão”, contou.

Para encerrar a exposição, Dias falou sobre a falsa sensação de prazer que as drogas trazem nos primeiros estágios. “A pessoa é enganada pelo próprio organismo, fala que pode parar de usar quando quiser, mas não é isso que acontece. A pessoa começa a ficar dependente, vende tudo para usar, começa a roubar, fazer ações absurdas para utilizar a droga, tudo isso pela dependência. Por isso ressalto que o melhor caminho é ficar longe das drogas”, finalizou.

Rafael Vinícius Cardoso, 17 anos, foi um dos participantes da palestra, para ele é um tema muito importante para se discutir. “Poucas pessoas conversam sobre isso conosco. Nós crescemos influenciados pelo meio, amigos e família, por isso é muito importante não entrar no mundo das drogas, pois é um rumo sem saída”.

Segundo o coordenador do programa Ação Jovem em Conchas, Breno Rodrigues, esse foi o primeiro evento realizado no ano sobre o tema das drogas. “É importante darmos essa orientação aos jovens sobre a prevenção. É uma barreira que se forma com a informação e quanto mais entender sobre o assunto”, afirmou.

“Com apoio da Prefeitura Municipal, resolvemos investir incansavelmente, através de uma programação dinâmica e acima de tudo de caráter preventivo, para que possamos orientar os adolescentes e jovens sobre a importância de não serem influenciados pelo meio, para tanto receberão inúmeras informações, palestras e dinâmicas, sobre o tema Drogas”, completou a Diretora do departamento de Desenvolvimento Social, Esporte e Lazer Aparecida Augusta Soares.
 
 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal